Pesquisa no Blog

quinta-feira, 11 de junho de 2015

HOMOFOBIA X CRISTOFOBIA

Uma das ferramentas mais importantes para se construir um bom argumento, com vistas no convencimento, ainda é a lógica, uma vez que ela é capaz de auxiliar a compor argumentos válidos e fugir das falácias que mascaram a verdade. Entretanto, cabe avisar, de pronto, que este post não versa sobre a Lógica enquanto ciência do raciocínio, mas sobre a falta de lógica na argumentação e a falta de respeito em relação à postura dos integrantes do movimento LGBT com as religiões, publicamente demonstrada na última Parada do Orgulho Gay, em São Paulo.
Confesso que fiquei assustado com o que vi e ouvi...
Sexo oral na Parada Gay do Acre
É evidente que a luta do grupo é legítima e necessária, pois também não sou alheio à criminalidade e à violência física, verbal, simbólica e social imposta aos homossexuais que, muitas vezes, morrem ou vivem em condições subumanas às margens da nossa sociedade. Mas até agora estou para entender como é possível querer apagar fogueiras com gasolina... Como pode o movimento levantar a bandeira da paz e da igualdade por meio do desrespeito ao modo de pensar e expressar do outro? Essa é a ideia? Gritar para não ficar rouco? Falta lógica... me falham as faculdades para compreender tais circunstâncias! Aristóteles, filósofo grego, disse certa vez que a ética (leia-se respeito), não se constrói apenas pela imagem que é transmitida. Deve-se construí-la tendo por base um tripé de sustentação formado pelo AGENTE, pela AÇÃO e pela FINALIDADE DO AGIR. As três têm que estar juntas. Eu (enquanto AGENTE), não posso ser ético se as minhas intenções (FINALIDADE DO AGIR) não estiverem intrinsecamente ligadas às minhas AÇÕES. Portanto, penso que não é possível a nenhum movimento buscar a igualdade ou derrubar os preconceitos, se valendo de preconceitos e desrespeito à cultura e religiosidade do seu próximo.
Manifestantes LGBT inserindo
crucifixo no ânus
Vocês acreditam mesmo que é possível conseguir algum respeito com exposições públicas de sexo oral, masturbação e destruindo imagens ou vilipendiar símbolos religiosos?
Espero que nossa sociedade se abra, cada vez mais para discutir, questionar e pensar assuntos como esse sem as armas do preconceito, pois só assim cresceremos e evoluiremos enquanto pessoa. E, quanto ao movimento LGBT, não sei se foi feita alguma avaliação a respeito das conquistas da Parada, mas, para mim, vocês deram um grande passo para trás na história de sua luta...
Postar um comentário

DIRETO AO ASSUNTO - TEMAS DO BLOG