Pesquisa no Blog

terça-feira, 31 de maio de 2011

A GENTE NEM SABEMOS ESCREVER IMPITIMAM


Essa é pra acabar... 
Depois de anunciar aos quatro ventos que o impeachment do ex-Presidente Fernando Collor de Mello (que exerce desde 2007, mandato de senador por Alagoas), "não é tão marcante" como outros fatos da história brasileira - como a abolição da escravatura, o Ato Institucional n.5, e a Constituinte - José Sarney, presidente da Câmara, minimiza a ausência de painel sobre o fato, na exposição que reconta os principais acontecimentos do Senado brasileiro.
Ora, vamos combinar uma coisa... depois de anos vivendo sob o julgo de um regime ditatorial e militar, o primeiro presidente eleito por voto popular e deposto após averiguadas as denúncias de corrupção e irregularidades em seu governo (momento em que o sonho da democracia começa a se efetivar), vem este senhor banalizar este acontecimento dizendo que nem deveria ter existido...
José Sarney, não somos tão burros quanto você pensa, nem sofremos de memória (talvez só um pouco, a ponto de colocarmos você novamente no poder quando deveria estar de roupão e pantufa assistindo o programa do Gugu).

Só para lembrar: ainda hoje existem muitas pessoas que duvidam de que o holocausto dos judeus liderados por Hitler, tenha, de fato, existido.

sábado, 28 de maio de 2011

A CRIANÇA COMO SUJEITO CONSUMIDOR


Está em fase final o trabalho de conclusão de curso (TCC) da minha aluna orientanda Gabriela Paduan, do curso de Jornalismo, que tem como tema a discussão da formação da criança enquanto sujeito consumidor.
O trabalho buscou analisar a hipótese inicial de que as propagandas veiculadas nos intervalos dos programas infantis influenciam o desejo de compra das crianças, construindo-as como consumidores em potencial.

Para fundamentar suas análises e referências bibliográfica, Paduan utilizou autores de renome da Sociologia e da Comunicação, tais como Juan Dìaz Bordenave e Philippe Ariès.
Suas reflexões ainda contam com textos do jornalista Flávio Paiva, sobre a publicidade abusiva direcionada às crianças.
No final, Paduan faz uma análise sobre a programação da Rede Globo, identificando os tipos de propagandas veiculadas nos comerciais destinados ao público infantil, sobretudo no horário da TV Globinho que vem a ser o programa na qual a pesquisadora utiliza como objeto.
Com a pesquisa, Gabriela Paduan percebe que a relação que as pessoas têm com a televisão é algo adquirido ainda na infância, de modo que o aparelho tende a ser visto como parte da família. "Sabendo que a televisão é uma companhia para os telespectadores, a mídia dedica parte do seu espaço para a publicidade, como maneira de se manter financeiramente, e as propagandas por sua vez, procuram persuadir as pessoas, para que elas consumam determinados produtos", diz.
Para verificar essas hipóteses, Paduan, aplica questionários e realiza entrevistas com crianças da escola Escola Jean Piaget de Pirapozinho, e seus pais.
A defesa de seu trabalho ainda não foi marcada e o trabalho ainda passa pelas últimas revisões. Perguntado sobre o que pode ser concluído na sua observação, Paduan relata que enquanto cidadãos devemos estar atentos às publicidades e ao que rege o Código de Defesa do Consumidor, além do Conselho Brasileiro de Auto-Regulamentação Publicitária, que regularizam as publicidades destinadas à criança, para que esta seja resguardada (visto que se trata de um público com personalidade ainda em formação). 

Também, "se faz necessária maior atenção dos pais em relação meios que eles utilizam como entretenimento para os filhos, devendo escolher com mais rigor o que eles assistem na televisão, para que eles possam ter acesso a programas educativos que lhes acrescentem valores considerados positivos".
O enfoque à cultura e à leitura crítica de tudo o que a mídia lhes impõe, para que cresçam e se tornem adultos conscientes quanto aos apelos publicitários, foi a sugestão dada como desfecho ao trabalho de pesquisa.
Parabéns Gabriela, pelo esforço e dedicação.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

DO TÉDIO AO RESPEITO DE SI - EDUCAÇÃO MORAL E FORMAÇÃO ÉTICA


Palestra sobre a‘cultura do tédio’, a falta de sentido existencial que comprometem
a realização ética de uma ‘vida boa’

Segue link de uma palestra que Yves de la Taille dá ao Café Filosófico da TV Cultura, intitulada:

Do tédio ao respeito de si - educação moral e formação ética

Abraço a todos.

sábado, 21 de maio de 2011

É A REALIDADE APRESENTADA EM NÚMEROS

video
Professora Amanda Gurgel silencia Deputados em audiência pública

Poucos vídeos me chamaram a atenção como este que sugiro a vocês, caros amigos...
Espero que ele sirva para nos fazer refletir sobre nosso verdadeiro papel diante da sociedade brasileira e da realidade educacional a que se instaura desde muito tempo. O discurso da professora já não choca mais, porque - como ela mesma ressaltou - já banalizamos esta profissão tão nobre e necessária.
Pensemos...

terça-feira, 17 de maio de 2011

FILOSOFIA DO DIREITO - MATERIAL PARA A PROVA

Queridos, seguem os links e as instruções para elaborarem a prova de Filosofia do Direito.
Qualquer dúvida, entrem em contato.
Abraço.


Para o filme "O jardineiro fiel":
Escrever uma dissertação (+ou- 2 laudas) que conste um resumo da história, uma análise conceitual (ética e moral) entre o filme e os textos Valores Universais e Excede a lei onde falta o amor. A dissertação pode conter a opinião do grupo a respeito da discussão sugerida pelo filme.
Resenha do texto O cuidado com a nossa casa: a lição que não aprendemos com os gregos - quem não entregou poderá fazê-lo até o dia da prova.
O ser ético (para a prova) - leitura dos textos:
Ética segundo Sócrates
Ética segundo Platão
Ética segundo Aristóteles
Ética segundo David Hume
Ética segundo Epicuro
Questões sobre o texto
Violência urbana
Questões
Postagem no blog: fazer um comentário (individual) sobre o relato abaixo:
O limite da lei é o amor

terça-feira, 10 de maio de 2011

SEGUNDO ANO DO BLOG SOCIOLOGIA NO MUNDO


O mês de maio é o mês que comemoramos o aniversário do Blog. Muitas discussões foram realizadas neste último ano... muito assunto, muitas oportunidades de crescimento.
Assim como foi feito no ano passado, faremos  também agora. Disponibilizaremos, as melhores notícias e/ ou discussões, segue para relembrar:

domingo, 8 de maio de 2011

QUER PAGAR QUANTO???

video
VOCÊ PAGARIA UMA CONTA DE BAR DE R$73.000,00???

Imagina se ao fechar a sua conta num barzinho comum, o garçom lhe trouxesse o valor de R$73.000,00...
Pois é, essa é uma boa proposta para fazer pensar àqueles que bebem e dirige. Uma campanha que anda circulando pelos e-mail's e que, acredito, ser interessante como política afirmativa para a conscientização e consequentemente, diminuição dos acidentes de trânsito  associados à bebida. Vale a pena ver este vídeo!
Abraço a todos.

quinta-feira, 5 de maio de 2011

STF RECONHECE UNIÃO HOMOAFETIVA POR UNANIMIDADE


Por Felipe Recondo, estadao.com.br, Atualizado: 5/5/2011 20:47

BRASÍLIA - Os casais homossexuais têm os mesmos direitos e deveres que a legislação brasileira já estabelece para os casais heterossexuais. A partir da decisão de hoje do Supremo Tribunal Federal (STF), o casamento civil entre pessoas do mesmo sexo será permitido e as uniões homoafetivas passam a ser tratadas como um novo tipo de família.
O julgamento do Supremo, que aprovou por unanimidade o reconhecimento legal da união homoafetiva, torna praticamente automáticos os direitos que hoje são obtidos com dificuldades na Justiça e põe fim à discriminação legal dos homossexuais. 'O reconhecimento, portanto, pelo tribunal, hoje, desses direitos, responde a um grupo de pessoas que durante longo tempo foram humilhadas, cujos direitos foram ignorados, cuja dignidade foi ofendida, cuja identidade foi denegada e cuja liberdade foi oprimida', afirmou a ministra Ellen Gracie.
Pela decisão do Supremo, os homossexuais passam a ter reconhecido o direito de receber pensão alimentícia, ter acesso à herança de seu companheiro em caso de morte, podem ser incluídos como dependentes nos planos de saúde, poderão adotar filhos e registrá-los em seus nomes, dentre outros direitos.
As uniões homoafetivas serão colocadas com a decisão do tribunal ao lado dos três tipos de família já reconhecidos pela Constituição: a família convencional formada com o casamento, a família decorrente da união estável e a família formada, por exemplo, pela mãe solteira e seus filhos. E como entidade familiar, as uniões de pessoas do mesmo sexo passam a merecer a mesma proteção do Estado.
Facilidade. A decisão do STF deve simplificar a extensão desses direitos. Por ser uma decisão em duas ações diretas de inconstitucionalidade - uma de autoria do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e outra pela vice-procuradora-geral da República, Deborah Duprat -, o entendimento do STF deve ser seguido por todos os tribunais do país.
Os casais homossexuais estarão submetidos às mesmas obrigações e cautelas impostas para os casais heterossexuais. Por exemplo: para ter direito à pensão por morte, terá de comprovar que mantinha com o companheiro que morreu uma união em regime estável.
Pela legislação atual e por decisões de alguns tribunais, as uniões de pessoas de mesmo sexo eram tratadas como uma sociedade de fato, como se fosse um negócio. Assim, em caso de separação, não havia direito a pensão, por exemplo. E a partilha de bens era feita medindo-se o esforço de cada um para a formação do patrimônio adquirido.

terça-feira, 3 de maio de 2011

ALUNOS PRODUZEM VINHETAS PARA A SEMANA DE COMUNICAÇÃO

Os alunos de Comunicação Social (Publicidade), do 5º termo, produziram materiais de divulgação para a V Semana de Comunicação Social da UNIESP.
A produção foi orientada pelo Professor Rogério Potinatti que culminou com dois anúncios, um para rádio e outro para TV. Segundo o professor, "os alunos tiveram que preparar um briefing, o roteiro e a execução das peças práticas. Montamos tudo no laboratório de rádio e TV da UNIESP", diz.
A V Semana de Comunicação Social terá início hoje e conta com uma programação com palestras e workshops (Clique aqui para ver a matéria e a programação completa).

VEJA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DOS ALUNOS

video


video


Rogério Potinatti é repórter da Rede Record de Televisão (Presidente Prudente), é Professor de Produção Eletrônica e Oficina de TV e Telejornalismo do grupo UNIESP e também é colaborador deste blog.

Clique aqui para ver uma reportagem produzida por Rogério Potinatti.

PRÁTICAS PROFISSIONAIS E OS DESAFIOS DO MERCADO SERÃO DEBATIDOS NA V SEMANA DE COMUNICAÇÃO DA UNIESP

Evento tem como destaque o Repórter Esportivo da Band São Paulo,  Fernando Fernandes

Por Flávia Arenales

A Faculdade de Prudente (Fapepe), por meio do curso de Comunicação Social, realizará de 3 a 6 de maio, a V Semana de Comunicação.
O evento, que tem como tema: Prática Profissional e os Desafios do Mercado traz como destaque do último dia, o repórter esportivo da Band São Paulo, Fernando Fernandes.
Fernando Fernandes participa do quatro “Papo de Boleiro”, do Programa BandSports. Por três anos atuou em Portugal, no rádio da cidade do Porto, na TV Independente e na assessoria de imprensa da Federação Portuguesa de Futsal.
 No primeiro dia do evento, 3 de maio, às 19 horas, no auditório, acontece a abertura oficial da Semana. Às 20 horas, serão realizadas as palestras Jornalismo Online, com Reinaldo Ruas, do Portal Prudentino, no auditório. No mesmo horário, na sala 2.25, Criação Publicitária será debatida por Jefferson Freitas, da Raro Propaganda.
Dia 4, às 19 horas, Adilson Brevilheri, da agência Direção Propaganda, falará sobre Atendimento Publicitário. Também às 19 horas, o repórter das rádios Prudente Am e 101 Fm, Geraldo Gomes, debaterá Rádio Jornalismo.
Às 20h30, três eventos acontecem concomitantemente: No auditório, Richard de Almeida, da agência Insight Propaganda palestrará sobre Marketing de Varejo; Gelson Venério, do jornal Oeste Notícias abordará o tema “Jornalismo Impresso” na sala 2.25 e, no estúdio do núcleo midiático, o fotógrafo do jornal O Imparcial, Márcio Oliveira ministrará um workshop de Fotojornalismo.
Na quinta-feira, Vivian Padovan da TV Fronteira falará sobre jornalismo televisivo, às 19 horas, no auditório. No mesmo horário, a Relações Públicas Myrtna Kumov debaterá Comunicação Corporativa na sala 2.25.
Às 20h30, Assessoria de Imprensa será debatida na sala 2.25. Também às 20h30, a publicitária Maira Ferrari, da TV Fronteira, palestrará sobre Marketing e Mídia no auditório.
Dia 6 de maio, último dia do evento, o jornalista esportivo da Band São Paulo, Fernando Fernandes ministra palestra com o tema “Carreira, suor e esporte”, às 19 horas, no auditório.
As inscrições para todos os dias da Semana podem ser realizadas com os alunos de Comunicação Social na Faculdade de Prudente e custam R$ 15,00 para estudantes da instituição educacional. Visitantes pagam R$ 20,00. Interessados em participar somente um dia da Semana de Comunicação desembolsam R$ 10,00.

DIRETO AO ASSUNTO - TEMAS DO BLOG